A melhor forma de se explicar o relacionamento em banco de dados é exemplificando a sua utilização, muitas vezes determinada informação depende de outra para que ela possa existir e com isso surge a necessidade de se criar uma forma de vinculá-las. O relacionamento em banco de dados é exatamente isso, uma forma de vincular os dados de uma tabela com outra a partir de uma determinada informação.

Para que fique mais simples de se entender vamos utilizar um exemplo prático, imagine categorizar todos os produtos em um banco de dados. Cada produto precisa possuir uma categoria. Então considere o seguinte cenário:

Tabela: tbl_cat -> Campos: cod_cat, nome

Tabela: tbl_produto -> Campos: cod_prod, cod_cat, Nome, Preço

Perceba que o campo cod_cat que armazenará o código da categoria está sendo utilizado para indicar, na tabela produto, a qual categoria aquele produto pertence.  Isso caracteriza um relacionamento um para muitos onde uma única categoria poderá ser utilizada por vários produtos. Caso não fosse possível criar relacionamentos todas as informações da tabela categoria teriam que ser incluídas na tabela produto e isso provavelmente traria problemas futuros caso fosse necessário incluir mais informações relacionadas a categoria.

Como citamos acima, o tipo de relacionamento utilizado foi o um para muitos, mas ainda existem outros dois tipos de relacionamento sendo eles o um para um onde haverá um relacionamento direto entre duas chaves primárias e o relacionamento muitos para muitos onde é possível que vários registros utilizem um mesmo relacionamento e há possibilidade de repetição na tabela.

banco de dados

Entender como funciona os relacionamentos é essencial para modelar e otimizar o banco de dados, por isso é importante levantar todos os requisitos e entender bem o papel de cada informação.

Você pode gostar de…

Criando um Site Gerenciável com Habemus e Scriptcase – Parte II

Olá pessoal, tudo bem ? Hoje vamos dar continuidade ao post anterior "Criando um Site Gerenciáv...

Deep Data Perspective – Modelos e Processos de Negócios

Ouça o podcast e aprenda a reconhecer os processos e modelos de negócios da Deep Data Perspective ...

Criando um Site Gerenciável com Habemus e Scriptcase – Parte I

Criando um site gerenciável com Habemus e Scriptcase. Hoje iremos tirar o site do Habemus colocar n...

Comente este post

Receba novos posts, ofertas e muito mais toda semana.